A gente precisa é se amar muito

Hoje distribui espelhos pela cidade, por todas as vezes que você estragou  meu dia, e também por todas as vezes que me evitou nos seus dias por reflexos alheios. Você acha que estou chorando sozinha?, bem, na verdade acabei de sair do salão de beleza, então você já pode saber que não merece o tempo que passo aplicando máscara para cílios. A questão é a de molduras boas não salvar quadros ruins.

Escrevo cartas em formato de textos, não para as pessoas pensarem que ainda me importo com você, aliás eu não me importo mesmo, importância a gente se da a quem é importante, e eu sou importante meu bem, e estou superando muito bem essa vida desapegada dessa espécie de você, você deveria saber disso, e então eu bem satisfeita ficaria com os três tapas que minhas palavras dariam nessa sua cara.

Eu não gosto de admitir meus erros, mas sei que estive muito tempo focada nos meus livros, no meu trabalho, e você se aproveitou disso, e eu tola nem percebi o que estava acontecendo, um príncipe fisicamente mas mentalmente um homem frio e calculista, seria mesmo um erro meu?, é claro, cada um tem o que merece na medida do tempo que a gente dedica a cada coisa. Mas sabe, agora estou melhor dormindo sem seus “boa noite” e acordando mais linda sem seus “bom dia”.

A gente precisa é se amar mais, a cada piscar de olhos, aparência não define caráter, nem personalidade, mas define uma coisinha chamada bom gosto, e nisso se encaixa o ditado “as aparências enganam”, e quem se enganou foi eu, de não ter seu reflexo de transparência e achar que podia vê-lo por dentro por aqueles seus olhos que me tiraram o sono por diversas noites, e agora?, vejo o quão lindo é olhar para mim mesma e sentir o que é o amor.

Lembro-me muito bem da sua especialidade em ser o que não era e achar isso engraçado, ei querido, é extremamente de mau gosto da sua parte de ter um carro novo, apartamento novo e não dormir a noite porque não tem dinheiro para pagar.

Gostaria que os outros vissem que bonito mesmo é quem sabe sair de uma queda com a cabeça erguida e saber voltar atrás e ter coragem de seguir em frente, se sentir bem e subir três lances de escadas sem perder o folego. Amor é paixão com continuação, e continuo apaixonada por mim, nessa cidade de espelhos espalhados com um infinito de reflexos de beleza que eu tenho por dentro e por fora.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s